Artigos

Apesar das tribulações que passamos todos os dias, podemos superá-las através da confiança e fé em Deus, que se faz nossa fortaleza e nosso escudo.

Resistindo a tribulações

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Mais uma vez fui convidado a ministrar uma palestra na Catedral de São João Batista, em Nova Friburgo (dia 10/05/2017). Desta vez, o tema foi "Deus é a nossa fortaleza". Acredito que a transcrição de seu teor trará bons benefícios para quem deseja refletir sobre o enfrentamento das dificuldades e tribulações a que somos diariamente sujeitos em nossa vida.

Iniciando esta reflexão, o primeiro pensamento que me ocorre para este momento é que a nossa vida é uma grande luta e diária, e muitas vezes cansamos e esmorecemos e até resmungamos, achando que Deus não nos ama e nos abandona.

Em Romanos 6,23, são Paulo nos ensina que o “salário do pecado é a morte”. O pecado, tenho certeza, é a pior coisa que existe na face da terra. Nada se compara a ele. Nenhuma crise, nenhuma doença, nenhuma guerra superam o mal que faz o pecado na vida do homem. Pelo pecado e por causa do pecado, a morte entrou no mundo e todos nós sofremos. Todos os problemas que passamos são provenientes do pecado. E Deus, em sua bondade e misericórdia infinita, enviou o seu Filho, Jesus Cristo, para que fôssemos todos salvos, e Ele nos deu a Vida Eterna, que é o oposto ao fruto do pecado: a morte.

Assim, podemos perceber que já somos vencedores em Cristo Jesus.

O Filho de Deus nunca disse que nossa vida seria fácil (Mt 5,10-12), mas disse que a vitória está garantida porque Ele mesmo venceu o mal (Jo 16,33).

Se hoje ainda passamos por tribulações é porque a sabedoria de Deus nos ensina que é pelo fogo que se purifica o ouro, assim como, é com areia ou palha de aço que se limpa uma panela suja.

A etimologia da palavra “tribulação” nos revela que os “atritos” são importantes para nossa vida, por isso dizemos “arear panelas”, que equivale a tirar manchas escuras e engorduradas das panelas com areia.

Minha mãe sempre diz que “Deus dá o frio conforme o cobertor”, isto é, Ele nos conhece e não permite que sejamos atribulados sem que estejamos em condições de resistir.

“Pois Deus não nos deu um espírito de timidez, mas de fortaleza, de amor e de sabedoria.” (2 Tim 1,7)

É incrível o que podemos aprender lendo a segunda carta de são Paulo a Timóteo. É um verdadeiro testamento de um homem que se encontrava aprisionado em Roma, já prevendo o seu fim (“Combati o bom combate”). São Paulo encoraja seu filho espiritual, Timóteo, a permanecer firme na fé para exercer o seu ministério. Esta carta é para nós, homens, que desejamos viver na graça de Deus, fortalecidos na tribulação.

As lições dadas por são Paulo não são teorias de um professor, mas o testemunho de uma vida entregue a Deus.

“... nos gloriamos até das tribulações. Pois sabemos que a tribulação produz a paciência, a paciência prova a fidelidade, e a fidelidade, comprovada, produz a esperança. E a esperança não engana.” (Rm 5,3-4)

Superando Tribulações

A Vida em Deus nos permite superar todas as tribulações

Como está a sua vida, meu irmão? Você a tem vivido nas graças de Deus ou parece que você apenas está sobrevivendo? Matando um leão a cada dia? Vendendo o almoço para conseguir o jantar?

Jesus é Emanuel, que significa “Deus conosco”. Ele está aqui no meio de nós. Hoje, antes dessa pregação, pudemos contemplá-lo no Santíssimo Sacramento do altar.

Ele nunca nos abandona, apesar de, às vezes, acharmos que estamos sozinhos e desamparados . “Aproximemo-nos pois, com toda confiança, do trono da graça, para conseguirmos misericórdia e alcançarmos a graça de um auxílio no momento oportuno” (Hb 4,16).

Esta é a verdade sobre a nossa vida: se paramos diante dos nossos problemas, é porque não paramos diante da cruz. Se nossos problemas para nós são insuperáveis, é porque não conhecemos o poder grandioso de Deus, que é forte e fiel.

Deus é a nossa fortaleza e nele encontramos a nossa salvação. Se o pecado nos leva à morte, Deus nos concede a vida através do seu sacrifício.

Somos carne e por isso somos fracos

São Paulo diz: “Não faço o bem que quero, mas o mal que não quero.” (Rm 7,19)

No entanto, somos vivificados em Cristo Jesus. “Onde abundou o pecado, superabundou a graça” (Rm 5,20)

O mesmo são Paulo conclui: “Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação? A angústia? A perseguição? A fome? O perigo? A espada?” – Seu casamento fracassado? Seu vício? A crise financeira? Sua dificuldade de conseguir emprego? De sustentar sua casa? Suas tentações sexuais? – “[...] Em todas estas coisas somos mais que vencedores pela virtude daquele que nos amou.” (Rm 8, 35.37)

Se você ainda se sente fraco, clame ao Senhor pela sua conversão. Entregue-se a ele. Entregue seu problema, sua tribulação, sua fraqueza. Deixe Deus ser Deus em sua vida. Deixe Deus ser sua fortaleza, seu amparo e seu sustento.

Conclusão

Termino convidando cada um aqui presente para rezar comigo a oração do Salmo 17. E você que está lendo esta transcrição, faça também a oração abaixo. Procure uma Bíblia e abra-a no Salmo 17. Este salmo é um cântico de Davi, proclamado após ele ter enfrentado muitos inimigos. O mesmo texto encontra-se também no segundo livro de Samuel (capítulo 22), onde é narrada a história do Rei Davi.

“Eu vos amo, Senhor, minha força! O Senhor é o meu rochedo, minha fortaleza e meu libertador; meu Deus é minha rocha onde encontro o meu refúgio; meu escudo, força da minha salvação e minha cidadela. Invoco o Senhor, digno de todo louvor, e fico livre dos meus inimigos.”

Espero que você tenha gostado e que esta mensagem tenha tocado o seu coração. Se desejar comentar algo sobre o texto, sinta-se à vontade para escrever nos comentários abaixo.

Um forte abraço e até a próxima!

Aldo Marques Legal

Olá! Eu sou Aldo Marques. Escritor, palestrante, criador do Programa de Superação de Limites Vencer Agora® e autor da maioria dos artigos deste site. Sou Life Coach, especializado em desenvolvimento pessoal com ênfase em espiritualidade e Analista Comportamental habilitado para a ferramenta DISC Assessment pela Sociedade Latino Americana de Coaching - SLAC, com Professional Coach Certification pela International Association of Coaching Institute. Minha paixão é ajudar pessoas a serem melhores.


Se este texto suscitou em você o desejo de participar de um processo de coaching, entre em contato conosco para combinar uma sessão experimental. Atendemos presencialmente ou online, via videoconferências. Nossos telefones são (21) 98503-7777 - Aldo Marques e (11) 98308-3800 - Eunice Cardozo.


Buscar

Assine nossas Newsletters

Últimos Artigos

10 Março 2016
28 Agosto 2015
06 Julho 2015
© 2015-2018 Vencer Agora. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Aldo Marques.

Buscar